25 May, 2007

E Nasceu uma Estrela


Melanie Almeida venceu o IX Festival “Baleia de Marfim”.

O espectáculo, organizado pela Associação Cultural Terra Baleeira em conjunto com o Município das Lajes do Pico, decorreu no transacto fim-de-semana, no Salão Social Cultural e Recreativo da Ribeira do Meio, e contou com a participação de várias crianças com idades compreendidas entre os 6 e os 11 anos.
A notável jovem Melanie Almeida, habitante da freguesia de São Mateus, foi a estrela da noite interpretando “O Sonho da Lagarta”. Convenceu os respeitáveis júris e venceu a IX edição do Festival “Baleia de Marfim”. A canção vencedora tem letra e música de Cinira Baptista de Azevedo e Orquestração de Bárbara Azevedo. A excelente intérprete, de apenas nove anos de idade, arrecadou igualmente o prémio de melhor música, melhor letra e melhor interpretação.
Melanie Almeida irá participar agora no Festival “Caravela de Ouro” na vila da Povoação, ilha de São Miguel.
Para a nossa comunidade este feito é histórico e único. E para os pais, família, professores e colegas é, sem dúvida, motivo de orgulho e satisfação.
Para além deste Festival, convém também relembrar que a “nossa” menina foi, há algum tempo, a grande vencedora de um Concurso da Canto, realizado na Casa do Povo de São Mateus, cantando a canção “Ele e Ela” da tão célebre cantora Madalena Iglésias.
Congratulo a Melanie e desejo-lhe boa sorte para o Festival “Caravela de Ouro”.

O SONHO DA LAGARTA

Ao raiar da madrugada
É o sol que me conduz
Mau casulo vou fiar
Com fios de seda e luz

Aninhada protegida
Teço os dias com vagar
Entrelaço o dia a dia
Com meus sonhos de sonhar

Coro
O meu sonho é voar
Ver os montes, mar e céu
Descobrir por entre as flores
Muitos outros como eu

A alegria de viver
Vejam lá só quem diria
Rima com sol, água, flor
Aventura e companhia

Pois o sonho da lagarta
É ver como a vida brilha
É tornar-se borboleta
Mariposa, maravilha

Sinto a chuva por momentos
Cheiro as flores à tardinha
E pergunto aos 4 ventos
Porque estou sempre sozinha

Pouco importa se há perigo
Que espreita a cada passo
Troco o medo por um amigo
Ganho o mundo num abraço

Coro (Declamado)
Deixa que a brisa dos teus sonhos
Afague as tuas asas e voa…

1 comment:

semlimite said...

Ainda lembro-me de fazer pré-gravações e a maquete para a Melanie e pensei: que potencial tem esta pequena mulher! Seria bom que ninguém lhe metesse "tiques" na cabeça que só irão prejudicar-lhe. Esperemos para ver depois da adolescência o seu verdadeiro potencial (que na minha opinião será muito maior do que actualmente).