21 July, 2006

O Grande Maria Pequena

Foto: Sandra Lopes Amaral

10 comments:

Blasfémia said...

Parece que o lepra sempre faz falta.

Blasfémia said...

A tripulação agora é mista. Hetero.
Para animar o pessoal.

Anonymous said...

o blasfémia poque não apreces também? Ainda há espaço para mais um e trás um amigo também!
Falar é facíl, criticar é muito melhor, não é? ajudar, apoiar e participar não tem piada nenhuma!!!
É muito mais engraçado ficar em cima da vigia a apreciar o esforço e dedicação dos outros, não é?
Vejam se percebem que aquele bote representa a freguesia e todos aqueles que nela vivem!!! Ele é azul e branco, não tem nada de vermelho nem de laranja, é NOSSO e deviamos estar muito orgulhosos por o termos cá!!!

José da Véstia said...

Foi bonito ver o "Maria Pequena" entrar na doca do Cais do Pico, cortar a meta, baixar as suas velas e ver que a maioria dos botes ainda lutava por alcançar o destino.
Á tripulação do "Maria Pequena" os meus sinceros parabéns e obrigado por representarem com persistência e dedicação a nossa freguesia, contra todas as adversidades.
Ás "aves agoirentas" que por aí andam, um forte H5N1.

Cascalhinhos said...

Caro amigo "josé da véstia"
Andas mal infordado porque neste momento em São Mateus não existe perigo de pandemia de H5N1 (vulgo Gripe das Aves), desde que o Sr. Urbano da Junta andou a inventariar/recensear as galinhas todas. Está tudo controlado.

Anonymous said...

O lepra foi-se...ainda bem porque ninguém aguentava a sua falta de educação...acontece que a criatura diz à boca cheia nas Lajes que só não voltou para o Maria Pequena porque não lhe pagaram o que lhe estão a dever! Parece que ele era " contratado" para, supostamente, ensinar e , claro ser, uma besta quadrada! Vejam lá se pagam ao animal, que berra aos quatro ventos que no tempo dele é que era bom e que agora nem pessoas têm para fazerem uma companha...A propósito, parabéns pela prova do Cais e continuem o bom trabalho!

Cascalhinhos said...

O Bento ainda vai dar um bom Oficial. Mas no meu entender tinham que formar mais pessoal porque acho que se nota ali um bocadinho de falta de mão-de-obra. Fica a sugestão.

Anonymous said...

Deixem os rapazes e também as raparigas, que eles e elas são todos Homens e mulheres do mar, senão fazem melhor é porque não sabem

Anonymous said...

Não se nota falta de mão-de-obra, porque até o bote está muito bem construido, não acham? O que fazem lá dentro é outra história

Anonymous said...

Até tem um bom risco!